Gestão

Holding: o que é? Para que serve? Vale a pena aplicar em seus negócios?

holding
holding
592views

Se você não sabe o que é uma holding pode estar a poucos passos de entender.

Basicamente é uma empresa que trabalha com outras empresas. Geralmente possuindo a maior parte das ações ordinárias de uma empresa. Ela ganha destaque por apresentar um bom dimensionamento nos dias atuais. No Brasil mesmo, cada vez mais, esse ramo tem ganhando espaço.

Então, para efeitos gerais, uma holding atua como controladora de outras empresas e, por sua vez, não participa de ações relacionadas a bens e serviços.

A verdade é que se parece bastante com qualquer outra empresa, e por isso também as pessoas começaram a investir nelas. Basicamente a outra parte fica com o trabalho mais pesado enquanto cabe a holding trabalhar com métodos administrativos para ganhar mais espaço no mercado.

Agora podemos estabelecer melhor o que é esse tipo de empresa.

Uma holding trabalha dentro de uma empresa de maneira a gerir todas as decisões que devem ser tomadas para seu aprimoramento. Isso fica mais claro quando pensamos que ela é uma acionista majoritária dos estabelecimentos que ela gerencia.

Sendo assim, ela trabalha com o capital, parcerias e afins, gerência de pessoal, melhoras em serviços e tudo mais, afinal, quanto mais lucros uma marca tiver mais essas empresas vão receber. Podem ser realmente interessantes para seus negócios.

A tradução para holding é controle, posse e podemos dizer que essa não é uma tradução que não tenha significado correto pois a holding sendo pura ou mista ela visa interagir e controlar outras empresas a fim de buscar lucros e visibilidade.

holding
holding

Tipos de holding:

Existem 2 tipos de holding que ganham destaque. As puras e as mistas.

A primeira opção resulta na interação apenas com o capital social de outras empresas.

Já a mista, além de trabalhar com o capital, também relaciona a atividade empresarial.

Além disso ainda se torna possível destacar 2 pontos nesse tipo de lógica. As holdings familiares e as patrimoniais.

Familiar: é um tipo de empresa que é gerido por membros de uma única família. Você percebe muito isso em diversos negócios. Além disso, existe uma tendência do mercado a crescer esse setor.

Uma holding familiar pode lidar com outras empresa que pertençam ou não a esse grupo.

Patrimoniais: nesse tipo você tem vantagens administrativas. Você poderia contratar uma delas para te ajudar a gerir seus bens, principalmente as que podem gerar renda passiva.

São bastante utilizadas, e tem um caráter bem familiar para certas pessoas, sendo pouco relevante sua origem.

Essas empresas só valem a pena ser contratadas quando existe uma grande movimentação de capital baseada em renda passiva. É verdade, como a própria palavra sugere, ela é patrimonial. Isso significa que protegerá os bens de alguém.

E será que vale a pena montar uma holding?

A verdade é que esse tipo de empresa tem crescido bastante e por isso ganha mais destaque em meio a todos esses acontecimentos.

Você pode escolher trabalhar em uma empresa assim de maneira muito fácil. Atente-se a quantidade de pessoas e negócios relacionados na sua região. Não é algo muito complicado e pode ser esclarecedor.

Leave a Response